O rádio ainda poderá mudar o mundo

ouvindo-radio

Neste mês de setembro comemoramos o dia do Radialista e do Rádio, mas muitas vezes esquecemos que este é um dos veículos de comunicação mais importantes do país. Mesmo com todos os problemas de verbas, falta de estrutura e uma visão empresarial distorcida, o meio ainda é o melhor canal de acesso a informação e entretenimento para muitas comunidades espalhadas pelo país.

Diante das novas tecnologias o rádio pode ser potencializado e alcançar audiências diferenciadas, que nunca foram trabalhadas.

Num período marcado pela segmentação em nichos, o suporte multiplataforma da Internet possibilita que as emissoras de rádio produzam programas em diversos formatos e até criem novas emissoras para públicos diferentes.

O que trava o desenvolvimento do rádio no Brasil? Talvez a melhor respostas seja o fato das empresas de comunicação brasileiras, especialmente as rádios, não se entenderem como “empresas”, muitos ainda batem no peito e afirmam fazer rádio da mesma forma há 40 anos, como se isso fosse diferencial. Infelizmente temos novos públicos que não conhecem o rádio por ondas. Para os jovens, o rádio pode ser um podcast no celular, uma transmissão de streaming no tablet, ou uma emissora web que toque músicas e tenha entrevistas sobre Pokemons.

Este novo consumidor praticamente não conhece o rádio materializado em um eletrodoméstico, na caixinha sobre o móvel da cozinha, o radinho de pilha que levávamos para os estádios, ou o aparelho em que as senhoras ouviam a “Ave Maria” com um copo de água, todos os dias às 6 da tarde.

Para esta nova audiência, o áudio digital é uma realidade que flui no ambiente da web. Pode ser transportado, copiado, retransmitido ou simplesmente escutado a qualquer hora e lugar.

Não devemos viver das glórias do passado, mas buscar os melhores caminhos para um novo futuro. Para tanto, temos de modernizar as empresas entendendo a programação com um produto único, que precisa de uma comunicação própria, métricas diferenciadas e novos formatos que abusem das plataformas digitais.  Este é o futuro da comunicação no país, especialmente do rádio. Como dizia o radialista paulistano Hélio Ribeiro, “o rádio ainda pode ser o veículo que irá mudar o mundo, mudando a você e a mim”. Basta que todos entendam o novo momento histórico que vivemos.

Por Alvaro Bufarah

(Jornalista e pesquisador do meio rádio na Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), mestre em comunicação e mercado pela Faculdade Cásper Líbero (FCL), pós-graduado em administração de empresas pela Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP) e professor do curso de Rádio e TV. Atuou mais de 20 anos no mercado de rádio nacional e internacional)

Eduardo Braide reafirma parceria em visita ao Hospital Aldenora Bello

eduardo-braide_aldenora-belo

O candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (PMN), visitou na manhã desta sexta-feira (9), o Hospital Aldenora Bello, referência em tratamento oncológico no estado. Acompanhado da esposa, a médica Graziela Braide, o candidato foi recebido pela diretoria da instituição e entregou seu Plano de Governo, que logo no primeiro item, consta o hospital como integrante do Programa Parceiros da Saúde.

“Vou realizar nos primeiros meses de gestão parceria com o Hospital Aldenora Bello, Apae, Santa Casa, além de outras entidades que complementam o atendimento no sistema público de Saúde com qualidade”, explicou o candidato.

Eduardo Braide conversou com pacientes e acompanhantes que utilizam diariamente os serviços do hospital e ouviu de todos a importância da instituição. Alcioneide Santos Leite foi uma delas. Acompanhando a irmã que faz tratamento há 12 anos no Hospital Aldenora Bello, a costureira – residente no bairro do Santo Antônio – aproveitou a conversa para pedir por seu bairro.

“Eu moro no bairro do Santo Antônio e lá não tem uma pracinha para se fazer caminhada. O mercado está horrível e o único posto de saúde que existe, está em reforma”, lamentou.

Eduardo Braide, que realizou visita recente ao bairro, falou que enquanto não houver uma gestão planejada, problemas como esse vão ser recorrentes e que por isso, o seu Plano de Governo, com projetos coerentes, está pronto para ser colocado em prática.

“Como gestor me recuso a dizer que vou construir um grande hospital, sem ter recursos para isso, sendo que esse aqui, atende menos pessoas que poderia, só por causa da falta de apoio do poder público”, ressaltou.

O Hospital Aldenora Bello, realiza 260 mil procedimentos por ano, desde consultas, internações, quimioterapia e radioterapia. No Maranhão, existem em 7.100 diagnósticos de câncer por ano, 3.400 tratados no Aldenora Belo. O restante ou vai para outro estado ou acaba sem atendimento.

Desde que foi eleito deputado estadual, Eduardo Braide tem utilizado suas emendas parlamentares para a aquisição de equipamentos utilizados para o tratamento das pessoas com câncer. Este ano, a emenda enviada por ele será utilizada para a compra dos equipamentos necessários para a ativação da UTI pediátrica.

 “Eu sei bem a importância desse hospital para a vida do meu filho, somos do interior, Pio XII, e meu filho está mais perto da cura, graças a este hospital aqui”, contou Isabel de Sousa Gomes que acompanha o filho, Luís Otávio, de 5 anos, diagnosticado com leucemia linfática.

Eduardo Braide fez questão de destacar que a visita ao Hospital Aldenora Bello reforça o seu compromisso de trabalhar pela saúde de São Luís. “Através das minhas emendas parlamentares, por exemplo, já doei para cá aparelhos importantes como mamógrafo, micrótomo, criostatos, microscópio cirúrgico e óptico. Este ano, será entregue o mamótomo, um aparelho moderno e menos invasivo para o exame das mulheres. Além disso, destinei uma emenda no valor de R$ 700 mil para implantar a UTI pediátrica do hospital. Nossa gente precisa de cuidado, respeito, de atenção. Quem está aqui em busca de tratamento não pode esperar”, finalizou.

Marina Silva e Heloísa Helena reforçam campanha de Eliziane em São Luís

2016-09-09-photo-00000167

A porta-voz da Rede Sustentabilidade e candidata nas últimas eleições à presidência da República, Marina Silva, está na capital maranhense para apoiar a candidatura de Eliziane Gama (PPS), como a melhor opção para a Prefeitura de São Luís.

Na manhã desta sexta-feira (09), a candidata Eliziane Gama, juntamente com Marina Silva e Heloísa Helena, participaram de uma grande caminhada na Rua Grande, em São Luís.

Na ocasião, Marina Silva – uma das lideranças políticas mais credenciadas no país – disse à população ludovicense que Eliziane transformará a capital maranhense em uma das referências no território brasileiro.

Além de Marina, a integrante da Rede, Heloísa Helena, também esteve presente na caminhada e reafirmou seu o apoio à candidatura de Eliziane.

O apoio de Marina Silva à candidatura de Eliziane Gama à prefeitura de São Luís é um grande reforço à coligação ‘São Luís de Verdade’, que prevê projetos voltados para todos os setores sociais.

“Marina [Silva] será uma parceria da nossa gestão. Uma mulher com influência política de real importância no país”,  nossa campanha ganha demais com o apoio de Marina e reforça a credibilidade do nosso trabalho, tendo uma mulher como ela, com uma reputação intocável e uma carreira repleta de conquistas para o nosso país. Marina é uma grande referência no Brasil e no mundo”, destacou Eliziane.

 

Agenda de Marina Silva e Heloísa Helena no Maranhão

Sexta-feira, dia 09/09

 

11h – Lançamento de candidatura dos vereadores da Rede Sustentabilidade e apresentação do Elo Municipal da Rede em São Luís – Local Grand São Luís Hotel

13h – Almoço

14h às 16h – Roda de conversa com movimentos sociais e lideranças evangélicas – Sala Francisco de Frias – Grand São Luís Hotel

17h – Viagem para Viana-MA

20h – Lançamento da “Campanha Maranhão Faz 18” e o lançamento da candidatura do Prefeito Major Ferreira e  candidatos a vereador da Rede.

Local: Avenida Jorge Abrão Dualibe – Em frente à Rodoviária de Viana

“ Nosso governo será, acima, de tudo, humanizado e voltado à população”, garante Eliziane, em entrevista a Rádio Capital

unnamed

Com um governo mais justo e humanizado a todos, Eliziane Gama, a candidata da coligação São Luís de Verdade à prefeita de São Luís, garantiu que fará uma transformação na cidade.

Ela foi entrevistada na tarde desta segunda-feira (5) no programa ‘Pauta do Dia’, pelos radialistas Djalma Rodrigues, Aliton Nunes e Ivison Lima na Rádio Capital AM 1180) e falou sobre suas prioridades, especialmente na saúde e educação.  Ela garantiu que na sua gestão, o ano letivo vai começar em fevereiro de cada ano.

Quando questionada, por exemplo, sobre o que executará na saúde pública de São Luís, Eliziane disse que “falta criatividade, determinação e coragem” na atual gestão. Ela garantiu que é possível sim a construção do hospital de urgência e emergência na cidade. “Esta será uma das grandes prioridades de meu governo”, declarou Gama.

Ela também garantiu a modernização no setor de atendimento das unidades e centros de saúde, além da modificação na rotina das centrais de marcação de consultas, tomadas por filas e constrangimento para o agendamento de qualquer procedimento. “Não há mais como conceber que as pessoas fiquem de madrugada nas centrais de marcação, estando doentes, para conseguir uma consulta. Isto não acontecerá na minha gestão”, afirmou Eliziane.

Ao responder sobre o que fará no quesito drogas, Eliziane disse que a solução para o tema é a ampliação das equipes de assistência social e a valorização destes profissionais. “Os assistentes sociais que poderiam trabalhar na capital estão indo para o interior do estado, onde se paga melhor. Enquanto que a capital fica desassistida”, constatou Eliziane. Associado a isso, Eliziane construirá novas praças e possibilitará espaços de ressocialização em bairros com pontos conhecidos apenas pelo consumo e tráfico de drogas.

Centro de Zoonozes – Eliziane também afirmou que fará a modernização do Centro de Controle de Zoonozes (CCZ), fechado e sem oferta de serviços para a população. “Será também uma garantia da nossa administração. É inconcebível que animais circulem na cidade sem qualquer tipo de controle de doenças”, disse Eliziane.

Educação – Eliziane voltou a afirmar que, sendo prefeita de São Luís, construirá na cidade oito escolas em tempo integral. “Serão duas escolas por ano. E isto é sim possível de ser feito. Lugar de criança é na sala, aprendendo. E o poder público precisa garantir isso”, afirmou.

Ela também lembrou que a atual administração da prefeitura de São Luís, ao contrário do que foi prometido, não entregou as creches prometidas durante a campanha passada. “Eu teria vergonha em dizer, como o prefeito desta cidade, que reformou três escolas. Foram também prometidas creches, e nenhuma foi feita”, afirmou Eliziane.

Eliziane também questionou a condução da gestão municipal quanto à oferta do ano letivo. “Não houve um ano em que os alunos não enfrentaram greves. A gestão pública precisa garantir aula para os estudantes. Com condições para que eles possam concorrer com igualdade no Enem e ter uma formação digna. Além disso, os professores precisam ser constantemente qualificados”, declarou Eliziane.

Infraestrutura – A candidata também questionou, por exemplo, a qualidade asfáltica da cidade. “Não adianta pavimentar mil quilômetros desta cidade e, na primeira chuva, tudo volta como era antes”, disse Eliziane. Ela declarou que os serviços de asfaltamento da cidade estarão ligados às obras de drenagem.

 Transportes – Eliziane também afirmou que fará o corredor de transportes da cidade. “Este projeto está no Ministério das Cidades e foi deixado de lado pela atual administração. Haverá o prolongamento da Via Expressa e outras vias que beneficiarão bairros da cidade. Conversei com o ministro das Cidades, Bruno Araújo, e o projeto será retomado”, disse.

 ____________________________________

Confira a agenda dos candidatos a prefeito de São Luís para esta terça-feira, dia 06

 

Eliziane Gama (PPS)  

08h – Grava programa eleitoral

10h – Reunião com coordenação de campanha

16h – Abraço ao Centro Histórico

18h – Lançamento de candidatura na Vila Embratel

Eduardo Braide (PMN) 

08h – Caminhada na Cidade Olímpica

14h – Gravação de programa eleitoral

19h – Reunião com a comunidade da Cidade Olímpica

Cláudia Durans (PSTU)  

07h – Panfletagem na Central de Abastecimento do Maranhão (CEASA)

10 – Entrevista ao Programa Avesso (TV Guará)

15h – Sabatina na TV Guará

Noite – Panfletagem na Faculdade Estácio de Sá e depois Cegel

Edivaldo Holanda Júnior (PDT)    

Manhã – Despacha na Prefeitura de São Luís

17h – Caminhada na Cidade Operária, Unidade 205. Concentração às 16h – (Rua 13, próximo ao supermercado Maciel)

Noite – Reunião com lideranças

Rose Sales (PMB)  

10h – Encontro na promotoria da Educação

14h – Atendimento político

15h – Evento de campanha no Cohatrac

19h – Panfletagem em Faculdades no bairro do Turu

Fábio Câmara (PMDB)

10h – Expediente na Câmara de Vereadores

17h – Entrevista na Rádio Capital

20h – Reunião com moradores da Vila Formosa

Wellington do Curso (PP)

09h – Reunião externa e grava programa eleitoral

16h – Visita a jornais impressos

19h – Reunião com lideranças do polo Coroadinho

 Valdeny Barros (PSOL)       

09hGravação de programas de Rádio em TV

15h – Participa de oficina de cartolinas na Praça João Lisboa

16h – Participa de caminhada e panfletagem na Rua Grande

19h – Participa de plenária organizativa com coordenação de campanha na sede do partido

Zé Luís Lago (PPS)     (não informou)

 

 

Eduardo Braide defende compromissos com São Luís em Sabatina do Jornal O Imparcial

DSC_0598

O candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (PMN), foi o entrevistado desta segunda-feira (5), da sabatina promovida pelo jornal O Imparcial, com os jornalistas Raimundo Borges e Lisiane Martins. Braide falou que a implantação da metropolização de São Luís é um dos itens do seu Plano de Governo e que quando for eleito, assumirá o comando da implantação, em parceria com a Secretaria Estadual das Cidades.

“A metropolização, a exemplo do que já acontece em outras regiões do país, facilitará a captação de recursos federais, assim como a obtenção de linhas de créditos específicas do BID e Banco Mundial para investimentos nas áreas de saneamento básico, construção de avenidas e transporte público”, afirmou.

Eduardo Braide disse ainda que irá implantar o programa “São Luís Digital” e promover todas as ações necessárias para disponibilizar banda larga de acesso à internet na cidade. “Farei isso em parceria com o Governo Federal e as empresas que prestam o serviço na cidade. Internet não é só sinônimo de lazer, muitas pessoas utilizam ela para divulgar seus serviços, produtos e claro, os turistas divulgam São Luís”, completou.

O candidato também apresentou suas propostas na área da educação, transporte público e na saúde, relatou sua ida a Santa Casa, na manhã desta segunda. “Fui visitar e ver de perto a situação da Santa Casa. No meu Programa de Governo, não faço promessas para melhorar a Saúde. O meu compromisso é ter a Santa Casa como parceira no sistema de saúde de São Luís. Essa parceria, sem dúvidas, ajudaria e muito a desafogar, por exemplo, os Socorrões”, garantiu Eduardo Braide.

Eduardo Braide concluiu sua entrevista afirmando que em seu governo, a cultura terá o reconhecimento necessário, não somente em duas épocas do ano. “Só cuida da cultura quem ama a cultura. Cresci na Rua do Passeio vendo as nossas manifestações e hoje tudo isso está desaparecendo. A cultura atrai e fortalece o turismo. Por isso defendo a criação do programa Municipal de Cultura, a ser construído conjuntamente com os artistas de São Luís. Esse é um dos meus 33 compromissos com a população de nossa cidade”, concluiu.

“Não aluguei secretarias”, diz Eduardo Braide em entrevista

DCM01

O candidato a prefeito de São Luís, Eduardo Braide (PMN), participou na manhã deste sábado (3), do programa Resenha, da TV Difusora, apresentado pelos jornalistas Clodoaldo Corrêa e Itevaldo Júnior.

Durante a entrevista, o candidato do PMN reforçou a saúde e a educação, como prioridades da sua gestão, entregando seu Plano de Governo aos apresentadores.

“São Luís pode ser uma cidade melhor. Por isso, a prefeitura antes de prometer construção de escola em tempo integral precisa resolver os problemas de infraestrutura para que as aulas em tempo normal sejam retomadas, e que não tenhamos escolas fechadas”, reforçou Braide, citando o episódio da UEB Jornalista Neiva Moreira,  Bequimão,  em que um estudante foi baleado nesta semana.

Enfatizando que um governo pode e deve ser feito com parcerias, o candidato do PMN deixou claro como se darão as parcerias com instituições. “Na Prefeitura de São Luís, na área da saúde, farei parceria com o Aldenora Bello, Apae, além da Santa Casa. Como deputado estadual, realizo a doação de aparelhos anualmente e vejo essas instituições sem o apoio e o respeito por parte da Prefeitura”, disse Eduardo Braide.

Quando questionado sobre o tempo de campanha da TV e no Rádio, o candidato do PMN foi categórico. “Não fiz acordos com grandes partidos. Não aluguei secretarias e se você quer um prefeito diferente, precisa votar diferente”, declarou o candidato.

Ao fim da entrevista, Eduardo Braide voltou a afirmar que tem um projeto consistente para São Luís. “O nosso Plano de Governo não é feito de promessas. São 33 compromissos que assumo com a nossa cidade, com a nossa gente”, concluiu.

Justiça decreta indisponibilidade de bens de ex-secretários do governo Roseana Sarney

Untitled-2

A pedido do Ministério Público do Maranhão, a Justiça concedeu em decisão liminar, determinando a indisponibilidade dos bens de Cláudio José Trinchão Santos (ex-secretário de Estado da Fazenda) e Akio Valente Wakiyama (ex-secretário-adjunto de Estado da da Administração Tributária e ex-chefe da pasta da Fazenda), ambos integrantes do governo Roseana Sarney.

Na manifestação, a Justiça também obriga a quebra dos sigilos bancário e fiscal dos réus. Formulou a Ação Civil Pública o promotor de justiça Paulo Roberto Barbosa Ramos e proferiu a decisão a juíza, Luzia Madeiro Neponucena.

DENÚNCIAS

Foi apurado pelo Ministério Público que, de 2010 a 2014, os ex-gestores concederam 33 regimes especiais de tributação irregulares, beneficiando 190 empresas. De acordo com relatório do Núcleo de Estudos Econômico-Fiscais da própria Secretaria de Estado da Fazenda, as renúncias fiscais irregulares representaram uma perda de R$ 410.500.053,78 aos cofres do Estado do Maranhão.

Do total de regimes especiais, 20 foram assinados por Cláudio Trinchão, oito por Akio Wakiyama e cinco pelos dois réus.

Além de não terem sido publicadas nos meios oficiais, muitas das concessões sequer estão registradas no banco de dados da própria instituição.

De acordo com o promotor de justiça Paulo Roberto Barbosa Ramos, os regimes especiais “não foram precedidos de nenhum estudo econômico que apresentasse justificativa para a renúncia concedida, através de estimativas de possíveis resultados compensatórios, como a promoção de emprego, renda e arrecadação no estado”.

O representante do Ministério Público também destacou que não foram feitos estudos sobre o impacto orçamentário-financeiro dessas concessões.

Além disso, a concessão de regimes especiais de tributação que resultem em redução de impostos deverão se basear, necessariamente, em convênios previamente firmados, o que não aconteceu em nenhum dos casos.

Fonte: CCOM-MPMA